Já que vamos falar de contabilidade consultiva, melhor começarmos abordando a pergunta sobre o que é contabilidade?

Seguindo a linha teórica e tudo o que vamos aprender ao longo dos anos de estudos, podemos dizer que contabilidade é uma área responsável por fazer toda a leitura dos acontecimentos financeiros, variáveis e outros fatores que estão correlacionados ao patrimônio de uma determinada empresa. 

Continuando nesta mesma linha de pensamento, é a vez de falarmos dos contadores, que são aqueles profissionais responsáveis que analisam e cuidam da saúde financeira e até mesmo geral de uma empresa. 

Por muito tempo os contadores eram equiparados a despachantes, com obrigações de cumprir apenas as formalidades legais que envolvem um negócio, mas quem atua nesta área nos dias de hoje, sabe que isto não é mais assim.

Os contadores passaram a envolver-se mais com o negócio, e começaram a participar da gestão financeira das empresas, seja por meio de consultorias  ou suporte a fim de garantir que elas estejam de acordo com a lei e possam focar no que realmente importa, o crescimento.

E aí é que entra o termo tão conhecido e falado no mundo dos negócios que é a Contabilidade Consultiva. 

E é a partir de agora que começamos a destrinchar mais este assunto para vocês!

Conceito de Contabilidade Consultiva

Resumindo ainda mais o que falamos anteriormente, a contabilidade consultiva funciona como um diálogo constante entre contador e empresário, ainda mais tendo a tecnologia e a contabilidade online como facilitadores. 

Nesta situação, podemos dizer que o contador atua como um sócio da empresa porém sem efetivamente tem uma parte, pois ele tem a função de acompanhar em tempo real o crescimento do negócio, a fim de ajudá-lo nas tomadas de decisões e auxiliando na soluções de problemas que vão surgindo com o desenvolvimento do negócio. 

Mas não podemos pensar que é somente uma obrigação do contador ir atrás de todas as informações.

O empreendedor como citamos deve tratar esta consultoria como uma sociedade, uma vez que possui a “obrigação” de sempre alinhar sobre todas as movimentações e andamento da empresa.

Dinamicidade, esta é uma palavra fundamental para que a contabilidade consultiva funcione realmente,  uma vez que o profissional contábil precisará fazer com que o contato com cliente seja o mais dinâmico possível, para que desta maneira conseguem em conjunto traçar métodos e técnicas que sejam capazes de analisar toda a movimentação e gerar indicadores  para o planejamento estratégico. 

Qual a importância deste método de trabalho? 

Com a chegada da pandemia da Covid-19, muitas empresas acabaram entrando em falência por conta de todos os problemas que foram gerados com reduções de horário, medo, entre outros transtornos que o Corona vírus causou.

Esta questão acabou ligando um alerta, e com isso pesquisas começaram a ser realizadas, apontando que umas das principais causas de todo esse aumento no número de falências veio principalmente pela falta de acompanhamento.

Que a movimentação financeira de uma empresa é um dos principais pilares do negócio todo mundo já sabe, e é através dela que o profissional que está atuando em conjunto com o empreendedor conseguirá identificar excesso de dívidas, queda nos resultados entre outros fatores que mostram que o negócio não está indo bem e que corre grande risco de falir.

Por este motivo é muito importante que os contadores que atuam neste tipo de atividade, prezam muito por esses detalhes.

Com todas essas informações que passamos para vocês, acreditamos que tenha ficado bem claro o foco da contabilidade consultiva.

E é claro que todo empreendedor quer buscar um crescimento saudável, e por este motivo você deve analisar e ver se os próximos 3 pontos são oferecidos pelo profissional.

  • Plano estratégico, financeiro e tributário, para que você consiga reduzir os cursos ao máximo e aumentar seu faturamento
  • Ferramentas que lhe auxiliam nas movimentações financeiras
  • Se o mesmo realiza um preparo para sua empresa atender as demandas

A grande maioria que está começando, pensa em otimizar custo da melhor maneira possível e pegar várias tarefas para si, mas acreditamos que a contabilidade consultiva deve ser instituída antes mesmo de iniciar o negócio em si, pois o contador irá lhe auxiliar a escolher o melhor formato jurídico para a empresa, qual o CNAE mais adequado, uma vez que cada um possui um tipo de tributação e por último qual o melhor regime tributário, pois são esses fatores que poderão agregar pontos positivos ou negativos no futuro.

E agora quem está lendo este texto e já está com a empresa aberta se pergunta “E agora, o que eu faço?”, e a resposta da pergunta é: tenha calma.

Isso mesmo, para você que está com a empresa aberta e já possui uma contabilidade, e não sabe se ela te oferece uma contabilidade consultiva, basta se fazer três perguntas

  1. A contabilidade faz uma descriminação das entregas que faz em nome da sua empresa?
  2. Sua contabilidade realiza especificações dos valores que ela tem te cobrado?
  3. Eu sei como está a situação da minha empresa?

Se você não conseguiu responder estas perguntas com clareza, certamente você não possui uma contabilidade consultiva dentro da sua empresa.

Pontos de análise

Ficou evidente os benefícios de se ter este processo dentro da sua empresa, pois com ela você terá uma ferramenta para cuidar de pontos como redução de carga tributária, gestão de gastos, rentabilidade, entre diversos outros fatores que envolvem o negócio.

E por ser um processo que exige uma grande responsabilidade, é necessário que você escolha com cautela um profissional para cuidar da sua empresa, por este motivo vamos elencar mais alguns pontos que devem ser analisados.

  1. Verifique qual o sistema de gestão que é oferecido pela empresa: Como a maioria dos processos são todos online hoje em dia, é necessário que seja feita uma análise da ferramenta, pois este ponto implicará em um ganho ou uma perda de tempo ao longo do seu dia.
  2. Não escolha pelo preço: Diversas vezes acabamos escolhendo um determinado profissional por ele ser o mais caro e teoricamente apresentar o melhor serviço, mas nem sempre é assim. Com a chegada do Covid-19, muitas atividades presenciais passaram a ser online, e consequentemente o custo de muitos serviços acabaram caindo, uma vez que você possui um menor custo operacional, portanto analise até mesmo aqueles com valores mais baixos, pois estes podem sim apresentar um melhor serviço. 
  3. Profissionais que prestam um bom atendimento: Busque aquele profissional que você se identifique, aquele que ao realizar uma conversa, ou até mesmo ouvir um áudio, que te passe confiança, pois são com estes que você passará boa parte do tempo decidindo pontos chaves do negócio. 

E então, ficou alguma dúvida como a contabilidade consultiva pode ser útil para seu negócio? Entre em contato com nossa a equipe Millennium Contabilidade

Fonte: Jornal Contábil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
Abrir Chat
Olá! Precisa de ajuda?
Olá, como podemos ajudar